Ultimate New World RPG

Para todos aqueles que procuram um RPG repleto de batalhas, história, diversão e oportunidades para desenvolver seu personagem, este fórum é sua melhor opção.


    Geld - A capital de Hendel

    Compartilhe
    avatar
    Yui Montaigne

    Mensagens : 23
    Data de inscrição : 02/03/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Yui Montaigne em Sex Mar 31, 2017 1:50 pm

    O cemitério era realmente lindo e por algumas vezes Yui chegava a duvidar que estava em um. Quando encontrava o túmulo de Erick então, fica sem palavras primeiramente pela beleza e depois por ser o túmulo do jovem que estava parado ali do seu lado. Enquanto Erick procurava pro pás Yui ficava olhando a lápide folheada a ouro e via as mensagens nela escrita. Aquele nome estava lá de novo Marechal Art.

    Com o retorno de Erick eles cavavam. A jovem ruiva não estava acostumada com esse tipo de serviço e já estava bem cansada quando finalmente chegavam no caixão de vidro. Ela olhava sem entender nada. O caixão estava vazio. Mas a foto mostrava um corpo. Ela olhava para Erick com uma cara de desesperança, daqui a pouco o general chegaria, o suor escorria pela face da moça e suas mão estavam vermelhas pelo esforço de cavar mesmo com a ajuda do rapaz e provavelmente ardiam, mas ela nem parecia ligar.

    - O que está acontecendo?
    avatar
    Andrews

    Mensagens : 17
    Data de inscrição : 17/02/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Andrews em Sex Mar 31, 2017 2:31 pm

    Andrews se sentia bem pela decisão que havia tomado, agora poderia não apenas conseguir dinheiro para viajar e voltar a seu tempo, como também havia conseguido um bom lugar para se alimentar e para dormir. Assim que chegou ao Durma Bem foi direto ao balcão.

    - Ola, sou Andrews, Randy me mandou aqui, disse que vocês teriam bons quartos com bons preços.

    O jovem observava o local, era aconchegante, nada comparado ao seu quarto no castelo, mas ainda sim se sentia muito bem onde estava.

    - Qual o seu nome?
    avatar
    Erick

    Mensagens : 25
    Data de inscrição : 17/02/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Erick em Sab Abr 01, 2017 6:26 pm

    Depois de um tempo caminhada pelos corredores do quartel a dupla estava no cemitério do quartel. Alias este foi um dos poucos lugares que o cavaleiro havia passado aqui. Nem se lembrava do quão bonito era este lugar. Mas não era hora de admirar o lugar. O cavaleiro foi atrás de ferramentas. Achou em uma cabana de ferramentas nas proximidades do lugar. Então começaram a cavar.
    Depois de um tempo finalmente chegaram até o caixão. Erick estava levemente cansado, ao contrário da maga.

    Ao olhar para o caixão viu que estava vazio. Menos mal. Ou pelo menos era o que o cavaleiro achava. Yui lhe perguntava o que estava acontecendo. Erick tinha apenas uma suposição, e tratou de dizer a maga.

    - Talvez uma ilusão. E minha mãe deve ter reconhecido. Por isso que não apareceu no suposto enterro. Vamos esperar o general chegar e relatar a ele.
    - Descanse um pouco Yui.. - dizia o rapaz em um tom preocupado.
    - Olhe suas mãos..
    avatar
    O Mestre
    Admin

    Mensagens : 123
    Data de inscrição : 15/02/2015

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por O Mestre em Sab Abr 01, 2017 8:19 pm

    (Andrews)

    -O Randy te mandou? Que ótimo! Faremos um desconto especial para você então! Me chamo Melissa e temos aqui algumas fotos dos quartos para que você pode escolher qual se enquadra melhor ao que você quer. Temos essencialmente tres tipos de quarto, o simples, que custa 15 moedas de bronze e tem somente o básico. O médio, que já vem com televisão e uma cama melhor, por duas moedas de prata. E o nosso melhor quarto, o luxuoso, que vem com vários tipos de entretenimento extra além da televisão, e uma cama enorme, luxuosa e muito confortável, por apenas cinco moedas de ouro. Todos os preços são de diária e incluem serviço de quarto, qual lhe interessa mais senhor?

    Andrews via as fotos dos quartos que a mulher tinha lhe dado, o quarto simples era bem literalmente isso mesmo, simples, só com o essencial para dormir e nada mais. O quarto médio já tinha uma televisão que poderia mante-lo distraído por um tempo e, a cama já parecia mais confortável que a anterior. O quarto de luxo é que realmente se destacava, pelas fotos parecia enorme e tinha de tudo, uma televisão enorme, um vídeo game, um aparelho de som enorme, e uma cama gigante que parecia ser a mais confortável do mundo. Porém pelos preços o cavaleiro já sabia qual quarto teria que escolher, mesmo com desconto os melhores quartos ainda eram muito caros. Será que se ele procurasse encontraria outro local mais barato? Ou para ele não faria diferença pegar o quarto mais simples já que queria só descansar?

    (Yui e Erick)

    A garota ficava preocupada e confusa ao não encontrar nada no caixão, esperava que ao menos um corpo mesmo que falso estivesse ali, porém o rapaz parecia não afetado pelo que via, ele já tinha ideia na sua cabeça de que tudo aquilo era falso. Quando Erick falava para Yui que tudo provavelmente era uma ilusão isso deixou a ruiva um pouco mais calma, talvez ela tivesse pensando demais e tentando achar uma grande conspiração em algo que era bem simples. Ou será que tinha algo mais do que os dois imaginavam? A maga não conseguia deixar de sentir que existia algo muito estranho naquele caixão estar vazio, porém nem ela nem o rapaz tiverem muito tempo para pensar nisso. A dupla ouviu um barulho e ao se virarem viram o general se aproximando deles, uma expressão de ódio e indignação em seu rosto, quando ele viu o tumulo do herói violado ele ficou ainda mais irritado:

    General Gesetz - Primeiro vocês saem da sala que eu MANDEI ficarem, e agora violam o tumulo do nosso herói?! O que tem na cabeça de vocês?! São malucos?! Estão trabalhando com os encapuzados e tentando roubar os corpos de toda a família Scutum?! Ou vocês estão achando muito engraçado essa piadinha imbecil de vocês?! Olha garota você diz que sabe a "verdade", porém eu não acredito em nenhum dos dois! Se querem me convencer, vão ter que fazer antes que eu os prenda, e eu não deixarei com que isso seja fácil.

    Gesetz agora mais irritado do que antes sacava a espada de suas costas, uma arma enorme com uma lamina muito grossa, dava para perceber que era um equipamento muito perigoso e pesado, o que demonstrava o quão forte o general deveria ser. Sem pensar duas vezes o homem avançava contra Erick e lhe desferia um golpe com força total, primeiro colocando a espada para trás para acumular força junto com o movimento de investida e, depois fazendo um arco com o braço para que o golpe viesse de cima para baixo, tentando acertar o cranio do cavaleiro. Como Erick reagiria a esse ataque? Além disso o que Yui faria diante dessa situação? Tentaria explicar a verdade para o general enquanto ele lutava contra o cavaleiro? Ou iria se juntar a batalha e deixar a verdade de lado?
    avatar
    Erick

    Mensagens : 25
    Data de inscrição : 17/02/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Erick em Dom Abr 02, 2017 7:05 pm

    Pouco tempo depois o atual general de Hendel chegava em cena. O mesmo estava furioso. E não estava pensando direito. Alias não estava pensando em nada. Estava tomado em fúria. Isto deixava Erick um tanto indignado. Um general se deixar levar facilmente pela raiva. Gesetz sacava sua arma. Queria um combate. Erick fazia o mesmo e sacava Avalon.
    Aparentemente o general era bem forte fisicamente por manusear uma arma de grandes proporções com certa facilidade. Rapidamente Gesetz desferia um golpe vertical, de cima para baixo com grande potência em direção à Erick.

    O rapaz não queria batalhar com general. Então se preparou para o impacto. Flexionou os joelhos para ter maior firmeza em sua defensiva,e assim colocou o escudo na sua frente com objetivo de aparar o ataque. Neste instante espada e escudo estariam trocando faíscas devido ao forte contato das armas.

    - General Gesetz. Você envergonha a memória dos generais que já trabalhei. Olhe o caixão. Esta vazio. E não seja imbecil. Acha que se fossemos igual ao encapuzados, ou se quissemos roubar corpo, deixaríamos um bilhete em sua mesa marcando nossa posição.

    O cavaleiro vociferava sua resposta, ao mesmo passo que seu corpo emitia um brilho dourado. Erick utilizava de sua técnica "God Strenght" para ganhar mais força e com isso "empurrar" general para trás para que a espada de Gesetz e o escudo de Erick se separassem.  
    Erick encarava Gesetz e dizia:

    - Confiamos em você e dissemos a verdade. Então faço o mesmo.

    avatar
    Andrews

    Mensagens : 17
    Data de inscrição : 17/02/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Andrews em Seg Abr 03, 2017 10:47 am

    Andrews observava as fotos, pela quantia que possuía consigo já sabia qual dos quartos iria pegar.

    - Vou ficar com o simples e Melissa, poderia me dizer onde posso conseguir roupas a um preço acessível, acabei de chegar a cidade e minhas finanças não são das melhores e existe um chuveiro no quarto ou um banheiro onde possa tomar um banho?

    Eram questões de prioridade no momento, as roupas surradas e estar sujo incomodavam muito o jovem príncipe, ele não se importava em não ser tratado como um da realeza, mas se incomodava em não andar como um
    avatar
    Yui Montaigne

    Mensagens : 23
    Data de inscrição : 02/03/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Yui Montaigne em Seg Abr 03, 2017 7:04 pm

    Yui olhava para suas mãos vermelhas e ardendo enquanto refletia sobre o que Erick falara. Realmente Freya tinha certeza que Erick estava vivo porque permitir essa encenação e ainda por cima não comparecer? Algumas ideias vinham a mente de Yui mas logo via o General chegar em fúria sem dar tempo para nada atacando Erick.

    A ruiva sabia que Erick conseguiria aparar o golpe mas não sabia por quanto tempo, então enquanto o jovem se defendia e tentava trazer de volta a sanidade para o General a ruiva também se preparava mas era pra um ataque. Ia acumulando energia em suas mãos ao seu redor para disparar no General em último caso.



    - Pare General! Não me faça disparar. Pode não mata-lo mas com certeza vai machucar muito.

    Yui estava muito séria. Queria acabar com aquilo tudo de uma vez por todas.

    - Eu fui aprendiz de Freya até sua morte. Ela sempre me disse que Erick estava vivo. Ela sabia que tinha algo de errado nesse enterro. Agora aqui está o caixão vazio. Não pode acreditar que levamos o corpo porque nem tiramos o caixão do lugar a menos que ache que está escondido no meu bolso.

    A garota parecia mesmo ter perdido a paciência. Ela então respirava fundo ainda mantendo a magia se concentrando.

    - Alguém queria que Erick ficasse como morto e conseguiu. Agora o senhor tem sua frente a verdade. E a está tentando matar novamente. O Senhor vai acreditar nos seus olhos e na grande admiração que sempre teve pelos Scutum ou vai continuar agindo como um insano e perder a única chance de saber que grande maldição é essa que está cercando e destruindo a família Scutum que você diz admirar tanto?

    O olhar da ruiva era penetrante e a magia conjurada também, a ruiva poderia disparar a qualquer hora mesmo não sendo essa a intensão ela estava determinada a proteger Erick e o que sobrou da família que a acolheu. E o General mesmo em sua fúria podia ver isso. Se o General não cessasse os ataques a Erick, a jovem dispararia sua magia com tudo contra o General.
    avatar
    O Mestre
    Admin

    Mensagens : 123
    Data de inscrição : 15/02/2015

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por O Mestre em Qui Abr 06, 2017 6:28 pm

    (Erick e Yui)

    O cavaleiro defendeu o ataque do general utilizando seu escudo e com uma ótima postura de defesa, aparando totalmente o ataque e não sofrendo dano algum, porém a força de Gesetz o impressionou. Mesmo com o golpe defendido, Erick sentiu suas pernas dobrando e seu corpo sendo forçado contra o chão, se continuasse desse jeito o general iria ganhar naquela batalha de forças. Para então dar uma reviravolta na situação, o cavaleiro usou seu poder God Strenght e canalizou sua mana em seu corpo, dando o boost de força que precisava para empurrar a espada de Gesetz para cima e, empurrar o homem para longe dele (menos 50 de MP).

    A expressão de surpresa ficou clara na face do general, Erick tinha muito mais força do que ele pensava e, seu estilo de luta com um escudo realmente era familiar com as historias que ele havia escutado. As palavras do garoto e da ruiva só ajudaram a fazer ele ficar ainda mais confuso, por um momento Gesetz abaixou sua arma e ficou olhando para os dois totalmente confuso, gritando quase em desespero tentando entender a situação:

    General Gesetz - Como posso acreditar em vocês?! Nunca ouvi falar sobre uma aprendiz de Freya e, você nem mesmo tem a aparência de Erick garoto! Não tem como eu achar que seja ele com um rosto diferente! Você viu a foto, vocês dois não são iguais! Além disso as ações de vocês são suspeitas, como vou saber se a luta de vocês com os encapuzados não era só um jeito de fingir que não estão do lado deles?! Como posso saber que não usaram alguma magia negra para transportar o corpo de Erick Scutum para outro lugar?! Vocês não estão me dando nada concreto! Eu... eu não posso deixar de cumprir meu dever, e meu dever é prender os dois!

    O general avançou contra Erick ignorando a ameaça de Yui, o que fez com que a maga disparasse seu ataque contra ele, uma magia que tinha sido concentrada por todo aquele tempo em que a garota esperava a resposta (menos 150 de MP). Vendo a magia intensa que via em sua direção, Gesetz conjurou um escudo de luz intenso em frente a sua mão, tentando parar a magia de Yui sem receber nenhum dano. Porém o general subestimou completamente o poder da maga, ele não imaginava que ela era tão forte e seu escudo funcionou só parcialmente. As duas magias colidiram e o impacto fez uma explosão intensa, a mesma pegou completamente o braço esquerdo de Gesetz e parte de seu tórax e rosto também. Assim que a fumaçava abaixava a dupla podia ver como estava o homem, o braço esquerdo dele pendia sem movimento algum, além de estar completamente queimado.

    Parte do tórax de Gesetz e de seu rosto também estavam queimados, e a expressão dele estava uma mistura de medo, desespero e mais ódio ainda. Dava para perceber que o general estava para cair a qualquer momento, mas ainda assim a determinação do mesmo era bem forte, pois ele voltou a correr na direção de Erick preparado para ataca-lo. O cavaleiro podia perceber que o ataque do general seria fácil de defender e até contra atacar se ele quisesse, Gesetz estava com um dano muito intenso em seu corpo e não conseguia mais utilizar toda sua força. O que Erick deveria fazer? Deveria aproveitar a fraqueza de seu oponente para ataca-lo e acabar com a luta? Ou deveria somente aparar o ataque e tentar novamente fazer o general enxergar a verdade? Além disso o que Yui faria? Mais uma magia dela poderia fazer o homem entrar em coma facilmente, mas seria esse o melhor a fazer? Ou estaria ela arrependida de feri-lo com tanta intensidade?

    (Andrews)

    Melissa - Todos os quartos possuem um banheiro com chuveiro incluso, então pode tomar banho no quarto. O melhor lugar para comprar roupas é no centro de Geld, lá tem varias barracas vendendo literalmente todo tipo de produto, e em alguns casos com promoções excelentes!

    O meio ciborgue pagou a garota pelo quarto (menos 15 moedas de bronze) e recebeu a chave do quarto, tendo livre acesso ao menos pelo período de 24 horas a partir daquele momento. Com essa parte resolvida Andrews foi até o centro para comprar suas roupas novas, depois de alguns minutos de caminhada o rapaz chegou no local mencionado por Melissa, uma rua enorme com varias barracas por todos os lados.

    A garota estava certa, tinha literalmente de tudo sendo vendido ali, roupas, armas, itens para receitas, livros, e até algumas coisas que mais pareciam ser do mercado negro do que um mercado normal. Enquanto Andrews procurava por uma barraca com roupas a um bom preço, ele viu próximo dele alguém que lhe chamou atenção, um... homem? Mais para uma criatura sem rosto, apenas com olhos amarelos praticamente escondidos pelo enorme chapéu que ele usava. Pelo ar que a "criatura" emanava e pelo cajado que o mesmo segurava, o cavaleiro pode ter uma quase certeza que o mesmo era um mago.



    O talvez mago estava conversando com um vendedor de uma barraca de livros, e parecia estar tentando quase que desesperadamente comprar um estranho livro vermelho que estava em suas mãos, do qual o rapaz conseguiu perceber que tinha varias escritas estranhas que ele não conhecia na capa. Sera que deveria aproveitar a situação para conversar com o suposto mago sobre a cidade que Randy lhe mencionou? Ou deveria apenas ignorar a cena e continuar procurando por roupas novas?
    avatar
    Andrews

    Mensagens : 17
    Data de inscrição : 17/02/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Andrews em Sex Abr 07, 2017 1:52 pm

    Andrews fica espantado com a quantidade de coisas que poderia encontrar ali, era impressionante, na sua cidade as feiras eram grandes, não se comparavam ao que seus olhos lhe presenteavam.

    - Se é assim nessa época imagino como ficara daqui a alguns anos...

    Pensou em voz alta, buscava peças de roupas simples, bota, camiseta e calça, talvez uma blusa ou jaqueta, a prótese estava chamando muita atenção e isso estava desagradando o príncipe.

    - O que...

    Ele avistava o que parecia ser um mago, não pensou duas vezes e foi até ele, se aproximou de forma calma, por mais tenso que estivesse.

    - Oi, desculpe incomodar, mas eu gostaria de lhe fazer algumas perguntas, você se importaria?
    avatar
    Erick

    Mensagens : 25
    Data de inscrição : 17/02/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Erick em Dom Abr 09, 2017 12:19 pm

    Gesetz era muito forte contudo tinha uma mente um tanto fraca. Estava agindo por impulso. Mas era compreensível e aceitável a posição que estava tomando. O rapaz havia conseguido com esforço evitar o ataque do general e empurra-lo. Mesmo com os argumentos de Erick e Yui o mesmo continuava duvidando da dupla. Novamente avançou, e neste instante Yui havia atacado o general. Contudo a maga havia exagerado na potência do golpe.
    Gesetz se levantou, e novamente partiu para uma nova investida, como um nobre cavaleiro deveria agir. Tinha o respeito de Erick pela atitude em combate. Mas já estava fraco demais. O movimento, a potência era nem sombra do golpe anterior.

    Erick simplesmente se abaixou e aplicou uma rasteira no general para que o derrubasse. Caso tenha tido sucesso, Erick se levantava e retirava a arma do general jogando-a para longe.

    - Gesetz, você acabou de receber uma forte magia de luz de Yui. Acha mesmo que alguém pode usar magia negra e magia de luz ao mesmo tempo? Você sentiu na pele a magia sagrada dela.

    - ACHA MESMO QUE ALGUÉM COM MÁS INTENÇÕES PODE UTILIZAR UMA MAGIA DE LUZ?
    - bradou o cavaleiro enfurecido com a atitude infantil do general.
    - Se fossemos amigos do encapuzados ou qualquer coisa do tipo, acha que eu teria aplicado uma simples rasteira. Estaria morto neste instante...

    Erick se ajoelhou próximo ao corpo de General e dizia.

    - Consegue acreditar na gente?
    avatar
    Yui Montaigne

    Mensagens : 23
    Data de inscrição : 02/03/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Yui Montaigne em Dom Abr 09, 2017 1:03 pm

    Yui via o estado do General e ficava feliz dele não ter morrido, mas ao mesmo tempo via quão grande havia sido o dano, ele mal se aguentava em pé. A ruiva nem mesmo conseguia acreditar quando viu que o mesmo ainda investia contra Erick. Podia-se notar claramente o medo e o desespero do General e ao mesmo tempo um ódio, provavelmente por ter se deixado atingir, por ter subestimado os inimigos e estar perdendo a luta ou simplesmente por não ter acreditado.

    A garota sabia que se Erick desse um golpe muito forte era capaz do General morrer, contudo sabia que não era um batalha para se eliminar um inimigo e confiava que Erick não faria tal coisa visto que essa batalha já poderia ter acabado a muito tempo e Erick sairia vitorioso. Assim via o General ir ao chão, caso o golpe de Erick funcionasse.

    Yui se aproximava de Erick, agora dificilmente o General conseguiria levantar, entretanto a garota não podia deixar o General naquelas situações. Tal dano causado por magia não curaria tão facilmente sem ser por magia, e a melhor maga de cura de Geld jaz morta a cinco anos. Por mais que o Gesetz estivesse cego A ruiva não poderia deixa-lo naquele estado. Aproveitando que o General estava estendido no chão Yui usava de sua magia Panacea para ajudar na recuperação do General. Uma Grande Luz dourada cobria todo o corpo do General curando suas ferida. Logico que precisaria de muito mais tempo do que Yui teria ali para cura-lo mas a garota se mantinha firme enquanto Erick tentava mais uma vez abrir os olhos de Gesetz.


    avatar
    O Mestre
    Admin

    Mensagens : 123
    Data de inscrição : 15/02/2015

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por O Mestre em Dom Abr 09, 2017 7:24 pm

    (Andrews)

    O mago virou e encarou Andrews assim que o mesmo lhe referiu a palavra, por não ter uma face da qual o rapaz pudesse observar, era difícil indicar exatamente que tipo de expressão o outro tinha. Porém a voz do mago era normal, completamente compreensível e soava como uma voz humana, além de ter um tom calmo e até mesmo relaxante, era uma voz agradável de ouvir.

    -Ola, me chamo Vivix, qual o seu nome? Eu não sei exatamente o que gostaria de saber porém, se eu puder ajudar e souber a resposta, não terei problema algum em dizer.

    Os estranhos olhos amarelos do mago pareciam sumir e re-aparecer em um pequeno momento, como se ele tivesse piscando, mesmo com a voz humana aquela falta de rosto ainda era algo que atrapalha em uma conversa. Estava na hora de perguntar o que Andrews queria saber, só tinha que tomar cuidado para não incomodar o estranho, já que tinha se aproximado do mesmo sem nem mesmo se apresentar primeiro.

    (Erick e Yui)

    Com o general já praticamente derrotado e com uma fração de sua força, Erick decidiu apenas dar uma rasteira nele para derruba-lo para que não pudesse mais lutar. Exatamente como o garoto planejou, Gesetz foi ao chão e ficou ali sem se movimentar, ofegando bastante e com os olhos fechados, uma expressão que demonstrava que sabia que tinha perdido esta luta. O cavaleiro então pegou a arma do general e a jogou para longe, percebendo que a mesma tinha um peso absurdo que não era qualquer humano que conseguiria carregar, o rapaz ficou feliz de não ter recebido nenhum ataque daquela arma pois conseguia imaginar o dano absurdo que receberia.

    Erick voltou então a tentar convencer o general a acreditar na dupla e se ajoelhou próximo a ele, observando qual seria a reação do homem. Enquanto isso Yui resolvia se aproximar e começar a curar Gesetz, pois o mesmo não merecia estar sofrendo com um dano intenso daquele, não era um homem mal, somente estava perdido com aquela situação toda. Gesetz finalmente abria os olhos e observava os dois, Erick o olhando calmamente e Yui recuperando o ferimento que ela mesma tinha feito, o homem ficou mais uma vez confuso porém, com um suspiro de derrota, ele falou para a dupla com calma.

    General Gesetz - Ta bem... estou disposto a acreditar que não são maus, se fossem eu realmente estaria morto como você disse, e também seria estranho alguém das trevas usar magia branca. Acredito então que não sejam meus inimigos, mas ainda tenho muita dificuldade de acreditar que você seja Erick, ela, da para perceber que essa magia de cura é algo que Freya realmente ensinaria, então posso aceitar que seja a aprendiz de Freya. Agora eu só preciso que me explique tudo... Erick, se é mesmo quem diz ser... como está vivo? Porque sua aparência é tão diferente? O que esta acontecendo?

    Enquanto o general dirigia a palavra para a dupla, o mesmo se sentava e ficava mais uma vez observando os dois, desta vez com curiosidade de descobrir o que estava havendo ali. Assim que o corpo dele recuperava o suficiente para ele poder mover seu braço esquerdo, ele pedia para Yui parar de cura-lo, deixando seu rosto marcado com o dano do ataque, mas ainda assim ele recusava que ela recuperasse seu rosto. Erick e Yui tinham finalmente a oportunidade de fazer Gesetz escuta-los de verdade, o que diriam? Iriam contar tudo, toda a verdade e tudo que havia acontecido até mesmo antes dos encapuzados? Ou ainda iriam tomar cuidado e omitiriam algumas informações?
    avatar
    Andrews

    Mensagens : 17
    Data de inscrição : 17/02/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Andrews em Seg Abr 10, 2017 10:05 am

    - Oh, que grosseria a minha, me chamo Andrews, muito prazer Vivix.

    O príncipe dava um risada tímida, levando a mão direita a cabeça, estava nervoso e muito ansioso, acabou esquecendo das regras mais básicas de etiqueta.

    - Bem, ouvi falar muito da cidade da magia, poderia me dizer se já esteve lá e se a biblioteca dessa cidade é tão maravilhosa quanto dizem?

    Ele usava de elogios e um sorriso amável, uma forma de manter o mago no assunto e demonstrar uma admiração, que existia, mas não tão grande assim, para obter mais respostas e, quem sabe, uma companhia para quando fosse a cidade da magia.
    avatar
    Yui Montaigne

    Mensagens : 23
    Data de inscrição : 02/03/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Yui Montaigne em Qua Abr 12, 2017 3:56 pm

    Yui sentia um pouco de tristeza pela situação do General, realmente não esperava chegar a tal ponto para que ele finalmente estivesse disposto a ouvi-los. Enquanto o curava a ruiva começava a contar o que se não estivesse enganada nem para Erick ainda havia contado, como Freya morrera.

    - A cinco anos os encapuzados apareceram na casa de Freya, para que eles não soubessem da minha existência ela usou um feitiço que me manteve escondida durante o ataque. Ela perdeu a luta e eles reviraram a casa toda procurando por algo.

    A garota dava um suspiro como se precisasse de folego para continuar. Ao mesmo tempo Gesetz pedia para que ela parasse de cura-lo mesmo ainda faltando seu rosto. Yui se sentava ao lado de Erick e continuava.

    - Freya morreu em meus braços depois que os encapuzados deixaram a casa. Me mantive escondida por todo esse tem tempo com medo de que voltassem. Acredito que o retorno de Erick tenha feito com que os encapuzados voltassem. Só não sei como souberam que Erick havia voltado.

    A ruiva olhava para Erick enquanto terminava sua fala, seus olhos lacrimejavam devido as lembranças, mas em momento algum seu olhar parecia culpa-lo por algo. Ela então olhava para o General sua expressão e seu tom era de curiosidade.

    - Agora, porque você diz que o Erick é diferente do da foto? Eles são idênticos, por isso viemos até o caixão. Freya nunca me falou de um enterro. Ela sempre acreditou que Erick estava vivo. Assim a semelhança entre o que enterraram e Erick nos deixou curiosos e aflitos. Porque você não consegue ver a semelhança?

    Yui esperava uma resposta do General mas provavelmente ele não saberia explicar, ainda mais confuso como está nem mesmo se lembraria de um fato estranho que poderia tê-lo afetado.
    avatar
    Erick

    Mensagens : 25
    Data de inscrição : 17/02/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Erick em Qua Abr 12, 2017 8:15 pm

    Finalmente o general decidiu ouvi-los, contudo pagou um preço bem alto pela teimosia. Yui o curava aliviando os ferimentos do mesmo.
    Gesetz fez perguntas que seja complicado de ser contado. Ou melhor. Difícil de se acreditar. Yui iniciou, contando algo que não lhe havia contado ainda. A forma que sua mãe morreu. Erick fechou novamente o punho com força ao saber que os encapuzados eram os responsáveis pela morte de sua mãe. Mais do que nunca o cavaleiro estava determinado eliminar cada um dos encapuzados. Em especial aquele que se proclamou amigo de sua mãe.
    Erick respirou profundamente tentando se acalmar, e esperou a maga terminar de falar.

    - Pode parecer muito estranho. E fica ao seu cargo acredita ou não. .Mas na batalha da Fenda, não fui eu que derrotei os monstros que estavam saindo dela. Tão pouco soube do resultado daquela batalha. Eu havia sido sugado para dentro da fenda. E por lá permaneci. Uma entendida divina cuidou de mim.  E hoje voltei seja lá aonde eu esta. Uma dimensão alternativa eu acho..
    - Quanto a foto. Também não entendo pois eu sou exatamente igual. As vezes esta foto não esta muito nítida. Você é general. Pode olhar os arquivos antigos da época que me recrutei. Lá tem foto de cada soldado. Por ser uma foto por 3x4 poderá ver melhor.
    - Minha teoria é de que usaram alguma magia negra ou ilusão para replicar meu corpo. Não sei ao certo mas procurarei a verdade
    .
    avatar
    O Mestre
    Admin

    Mensagens : 123
    Data de inscrição : 15/02/2015

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por O Mestre em Qui Abr 13, 2017 1:44 am

    (Andrews)

    O mago mais uma vez encarava Andrews com aquele olhar sem expressão, ficando em silencio por um tempo como se tivesse avaliando o cavaleiro. Porém o meio ciborgue não conseguia identificar o que o mago estava pensando, a falta de um rosto atrapalhava bastante a conversa, pois não haviam expressões para se avaliar. Um tempo depois o mago voltou a falar de forma calma e tranquila.

    Vivix - Prazer senhor Andrews, a cidade dos magos existe, e é mais espetacular do que imagina. Meu próximo destino de viagem é exatamente para lá, poderia até lhe mostrar o caminho porém... me desculpe, não sei se posso confiar em você. Muitos procuram o conhecimento das magias antigas e poderosas que existem na biblioteca da cidade, e é por isso que a mesma é escondida, não é qualquer um que pode entrar na mesma. Como não sei se é merecedor de entrar na cidade e, você me parece suspeito, terei que encerrar nossa conversa aqui.

    E com essas palavras o mago se virava para o vendedor, entregava algumas moedas e guardava o livro que estava em suas mãos dentro de sua capa. Logo após isso ele dava as costas para Andrews e começava a andar para longe, não dando mais atenção ao rapaz. O que fazer? Deveria desistir de falar com o mago? Ou Andrews teria alguma forma de insistir e provar que era digno de entrar na cidade dos magos?


    (Yui e Erick)

    Yui havia recuperado bem o general, pelo menos a parte que o mesmo havia deixado, o ferimento do braço e torax estava quase completamente sumido. Porém o rosto de Gesetz ainda tinha a marca da queimadura, e por algum motivo ele não deixava a maga nem ao menos tentar curar sua face. Aproveitando que o homem havia finalmente se acalmado, Yui e Erick novamente deram detalhes sobre a situação, tentando faze-lo entender melhor o que estava havendo e, ver se conseguiam algumas respostas também. Gesetz olhou novamente incrédulo para os dois, porém suspirou tentando esvaziar a mente, querendo acreditar em tudo que a dupla lhe contava. O general então colocou a mão no bolso e puxou um pequeno espelho, entregou o mesmo a Erick e disse com calma.

    General Gesetz - Eu não sei se isso vai funcionar mas, tente ver se o espelho te mostra como você é a meus olhos, e não só meus, aos olhos de todos menos o de vocês dois. Todos os meus soldados, todas as pessoas que estavam na rua preocupadas com o que estava acontecendo no cemitério, todo que te viram Erick, lhe descreveram exatamente como o vejo. Talvez... talvez seja você que esta enfeitiçado.

    O cavaleiro e a maga estranharam a afirmação de Gesetz porém, não havia motivo para não tentar, poderia ser que realmente eles estavam pensado naquela situação da forma errada. E o que os dois viram lhes deixou pasmos, Yui aparecia no espelho do lado de um homem, um homem que ela não conhecia, um homem que não era Erick. O cavaleiro olhava para a figura que deveria ser ele, olhava para o rosto que deveria ser seu, mas só via o rosto de um estranho que nunca tinha conhecido.

    O que estava acontecendo ali? Sera que Gesetz estava correto e, quem estava enfeitiçado era na verdade Erick? Mas quando tinha sido enfeitiçado? Por quem? Como? Será que... será que Gaia sabia de algo e não contou ao cavaleiro? E se ela tinha mesmo feito isso, porque deixaria de lado uma informação tão importante? Além disso porque Yui parecia ser a unica que o via como ele realmente era? Os mistérios pareciam somente aumentar, quanto mais eles procuravam por respostas mais perguntas surgiam. O general se levantou e limpou as roupas, se ajeitando e se recuperando da batalha, ele então finalmente olhou para o caixão vazio e levou a mão a boca, parecendo estar incrivelmente espantado com o fato de terem um caixão vazio de um herói. Gesetz se recompunha mais uma vez e se virava para a dupla, falando com eles seriamente:

    General Gesetz - Eu... eu não acredito que estou dizendo isso porém, eu acredito em vocês. Eu estar vivo já é um motivo para ao menos considerar que não são pessoas más. Mas essa situação é muito mais complicada do que eu pensava, se o caixão esta vazio, e o corpo do... "Erick" nunca foi de verdade, então existe algum tipo de conspiração a nivel governamental e militar. E caso seja isso mesmo, em quem eu posso confiar? Quem esta envolvido e quem não sabe de nada? A situação escalou de uma forma que eu nem mesmo sei o que fazer... eu praticamente não tenho o que fazer, minhas mãos estarão atadas. Eu vou lhes contar algumas coisas que os superiores estão querendo manter somente entre o alto escalão. Primeiro, a partir do momento que você se intitulou como Erick e, você como aprendiz de Freya, meus superiores emitiram um mandato de prisão imediato para vocês, sem direito a tribunal, execução imediata assim que forem capturados. Eu tinha achado estranho uma medida tão extrema para um impostor mas... agora consigo ver melhor que eles querem elimina-lo antes que fale a verdade. Além disto, os encapuzados finalmente abriram a boca, só que o que eles falaram não foi o que esperávamos. Todos repetiam apenas uma frase, "A era da luz esta no seu fim, quando as trevas chegarem o mundo será salvo. Viva a Igreja Obscura". E logo que eles terminaram de recitar esse "coral" deles, todos foram decapitados por algo que não podíamos ver.

    General Gesetz - Estamos achando que eles estavam amaldiçoados com uma magia negra que, quando algum deles desse alguma informação, seriam mortos antes de poderem falar mais. Então eles se mataram para não conseguirmos informações, tudo que conseguimos foi só o nome Igreja Obscura, que não importa o quanto procuramos não achamos nada sobre isso... Que droga! Essa situação está uma verdadeira merda! Olha... como eu disse eu não posso fazer muito por vocês, eu ainda sou um general e por causa disso eu tenho que seguir as regras do exercito, e vocês são dois procurados agora. Eu deveria prende-los porém, eu acredito que possuem a verdade e que possam reverter essa situação, então farei o máximo que posso fazer, deixando com que escapem. Assim que puderem saiam de Geld, sugiro que viagem para Missetäter, uma cidade cheia de bandidos, mafiosos e outros tipos de desgraçados que infelizmente não conseguimos prender, é o lugar onde eu imagino que tenham mais chances de conseguir informações sobre esse culto ridículo dos encapuzados. Enquanto isso tentarei fazer minha própria investigação quando meus superiores não estiverem na minha cola, porém... se nos encontrarmos de novo eu serei obrigado a prende-los, então por favor... descubram toda a verdade e consigam provas antes de nos vermos de novo tá? Vou voltar para meu posto, tenho que reportar sobre a fuga de nossos dois fugitivos....... você deve lembrar da saída traseira do prédio não é Erick? Ela vai estar pouco movimentada, fujam por lá.... boa sorte.

    Sem olhar diretamente nos olhos da dupla o general pegou sua arma, colocou a mesma em suas costas e, passou por eles indo embora sem mencionar mais nada. Pela postura e jeito de Gesetz estava claro que o mesmo se sentia mal com poder não ajudar mais, porém por ser um militar o homem realmente estava de mãos atadas, não podendo contrariar ordens diretamente de seus superiores. Yui e Erick foram deixados sozinhos no cemitério, naquele silencio estranhamente incomodo e com varias duvidas em suas cabeças. Tinham que decidir o próximo passo, a recomendação de Gesetz era uma boa ideia mas, como fariam para chegar no local? Sair de Geld já seria difícil com os guardas procurando por eles na cidade inteira. Seria bom eles aproveitarem que estava de noite e tentar fugir agora? Ou seria melhor achar um local para descansarem primeiro e depois planejarem com mais calma como fariam para escapar e para onde seguiriam?
    avatar
    Andrews

    Mensagens : 17
    Data de inscrição : 17/02/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Andrews em Sab Abr 15, 2017 1:34 pm

    O príncipe ouvia perplexo, mas iria desistir.

    - Vivix, por favor, poderia pelo menos ouvir minha história, sei que vai achar intrigante e que poderá me ajudar, por favor?

    Ele necessitaria da ajuda do mago, mas não desonraria seus compromissos como segurança, por isso precisava que o mago topasse ouvir sua história.

    - Se estiver disposto me encontre na hospedaria "Durma bem", estou hospedado lá essa noite e para provar que não estou tentando te enganar veja isso.

    O jovem mostrava sua prótese tecnomaga, tinha certeza que algo assim ainda não existia naquela época, pois na sua ainda era novidade, dito isso veria a reação do mago, agradeceria independente da decisão do mesmo e iria localizar roupas boas e baratas para si.
    avatar
    Erick

    Mensagens : 25
    Data de inscrição : 17/02/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Erick em Dom Abr 16, 2017 7:41 pm

    Erick se assustou quando olhou para o espelho. O reflexo não era dele. Era de um desconhecido. O que Gaia havia feito? E quais seriam as razões da entidade divina para mudar de tal forma sua aparência. E de alguma forma Yui era a única pessoa que conseguia ver suas verdadeira aparência. Os mistérios não paravam de surgir e o cavaleiro contava que pouco a pouco as coisas começassem a se esclarecer. Por hora não era o melhor momento pra reflexões.  Gesetz suspeitava de conspiração governamental e militar. E o pior de tudo, que os superiores do general queriam ele e Yui mortos. Isto lhe preocupou muito. Não por ele, mas pela Yui. Erick apareceu na vida da maga e já lhe trouxe muitos problemas. Tinha que solucionar isso tudo por ela, a todo custo.
    Por fim o general contou sobre o paradeiro dos encapuzados presos. Os mesmo se mataram, e a única informação que Gesetz tinha era sobre uma "Igreja Obscura". Extremamente vago.
    Erick e Yui tinham muitos problemas e aparentemente eles não se interligavam. Por hora a dupla tinha que sair dali. O general sugeriu que seguissem pela saída dos fundos dos prédio que no momento estaria pouco movimentada. Antes que Gesetz fosse embora Erick fez uma pergunta.

    - Gesetz. Me diga se a Dr Elise Niesten está viva. Ou se deixou algum herdeiro.
    - E obrigado pela ajuda. Espero que nos vemos em breve.


    Assim que o General saísse do recinto, Erick olhava para a maga, com uma expressão desanimadora.

    - Sinto muito por causar todos esses problemas Yui...
    - Não temos muito tempo...
    - A guarda de Hendel não vai facilitar. Se foram os superiores de um general que a ordem foi emitida, a segurança deve estar bem mais forte que a normal. Não acho uma boa ficarmos aqui.


    Erick segurava a mão da maga gentilmente, como fez durante o dia todo. Iria guia-la para saída dos fundos, enquanto ouviria a opinião da mesma durante o caminho.

    avatar
    Yui Montaigne

    Mensagens : 23
    Data de inscrição : 02/03/2017

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Yui Montaigne em Seg Abr 17, 2017 10:08 am

    Yui olhava no espelho e ficava pasma, porque o espelho não refletia o que seus olhos viam? Era tudo muito confuso.. Porque só ela via o filho de Freya como ele era? Por um minuto chegava a se perguntar se ele realmente era o filho de Freya deixando sem querer seu corpo se afastar um pouco do de Erick. Será que ela queria tanto que ele voltasse, por Freya, que se deixou enganar por um farsante? A ruiva respirava fundo e então se lembrava do encontro com o encapuzado, ela não era a única que via erick como ele era, o encapuzado também via. Agora porque Erick estaria enfeitiçado? Seria uma proteção? se fosse agora eles teriam colocado em risco todo o disfarce.

    Contudo não era isso que a deixava preocupada e sim o fato de além de tudo isso ainda estarem sendo procurados pelo exército de Geld. Em uma noite Yui perdera tudo, até sua liberdade se tornando agora uma fugitiva. Yui ouvia Erick perguntar sobre a Dra Elise ou algum descendente, o nome era familiar mas não conseguia lembrar porque. Tudo estava tão confuso. Essa tal de Igreja obscura atras da garota e o exército de Geld atras dos dois, era tudo tão estranho ou talvez tão ligado.

    Ela ouvia a voz de Erick. Ele se desculpava pelos problemas. Ela sabia que era sincero e sabia que realmente na situação que estavam não tinham muito tempo pra sair dali e se esconder. Ela olhava para ele com um sorriso amarelo no rosto era muita coisa.

    - Tudo bem!! Não se preocupe. Isso ia acontecer uma hora ou outra por causa do livro.

    Ela sentia Erick segurar sua mão como fizera durante todo período que estiveram juntos era confortante, Erick podia sentir que Yui segurava bem firme sua mão quase apertava.

    - Para onde vamos?

    Era tudo que Yui conseguia perguntar depois de tanta informação já que nunca estivera numa situação tão complicada desde a morte de Freya, mas naquela época ninguém sabia de sua existência.

    Conteúdo patrocinado

    Re: Geld - A capital de Hendel

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg Out 23, 2017 10:31 pm